Ceará e Alex Santana de saída, as trapalhadas da gestão colorada

Logo após a partida contra o Paraná Clube o lateral Ceará foi o primeiro jogador do Inter a passar pela zona mista e conversar com a imprensa. Falou que havia sido avisado que iria pro jogo apenas na hora do almoço. Disse que não entendeu a substituição no intervalo e comentou também sobre o desempenho ruim na primeira etapa da partida.

A volta dos cascudos e o não ao “carteiraço”

Nas passagens anteriores como técnico do Grêmio, Renato Portaluppi sempre fez questão de pedir jogadores mais experientes para reforçar o grupo – os cascudos. Em 2016 o ídolo gremista teve tais jogadores no grupo e, entre tantos outros motivos, conquistou a Copa do Brasil.

Desequilíbrio: o problema colorado em 2017

Desequilíbrio. Esta é a palavra que assombra a torcida do Internacional no ano de 2017. Com um elenco muito superior aos adversários da série B do Campeonato Brasileiro, a expectativa dos alvirrubros era de que a equipe iria fazer grande campanha e apresentar um futebol de alto nível, aproveitando-se da fragilidade técnica e financeira dos outros times.

Expulsar o Internacional do Brasileirão é um absurdo!

A jornalista Gabriela Moreira, da ESPN, divulgou, na manhã desta quarta-feira, que o STJD teria concluído o inquérito que apurava as suspeitas de falsificação de documentos por parte do Internacional, no caso Victor Ramos.

A importância Marcelo Oliveira no vestiário tricolor

Com a luxação no ombro de Marcelo Oliveira, a lateral esquerda gremista ficará sem seu titular por aproximadamente um mês, algo em torno de nove partidas, ausência essa que abrirá espaço para o reserva Bruno Cortez.

Falta de experiência e pragmatismos táticos custaram o Gauchão ao Grêmio

Com a eliminação na semifinal do campeonato Gaúcho de 2017, apesar do discurso de foco no estadual que reverberava nos corredores da Arena, o Grêmio mais uma vez não conseguiu chegar às finais do gauchão e muitos questionamentos surgiram com relação ao time e até mesmo a conduta de vestiário do tricolor.

Antônio Carlos precisa encontrar um time logo

O Internacional de Antônio Carlos Zago ainda não agradou. Quando foi anunciado como treinador do Inter ainda no final do fatídico ano de 2016, Zago já recebeu olhares de desconfiança de boa parte da torcida colorada.

Chegou a hora de Renato voltar ao trabalho

Finalmente, chegou a hora de Renato Portaluppi – o maior ídolo do Grêmio – mostrar seu trabalho e evolução como treinador do tricolor. Mas fique calmo torcedor gremista, não pense que esqueci a Copa do Brasil da temporada passada. Entretanto, irei explicar minha opinião.

Grenal foi de futebol, não das flautas

Quando o jogo é ruim a flauta pode salvar o clássico. No primeiro clássico pelo nacional do ano passado o Inter vinha numa sequencia ruim e Argel prometeu, por uma mensagem no whatsapp, “passar o trator e arrumar a casinha”. O jogo terminou um a zero para o Grêmio e não teve grandes lances.

Douglas, o maestro que faz o Grêmio correr dentro e fora de campo

O ano de 2017 começou repleto de expectativas para o torcedor do Grêmio, depois do titulo da Copa do Brasil, o horizonte tricolor parecia límpido e promissor. Porém, em um lance corriqueiro de treino, o maestro do time de Renato – o meio campista Douglas – sofreu uma grave lesão ligamentar no joelho esquerdo e desfalcará o tricolor por, pelo menos, seis meses.