Dupla grenal vence e está na semifinal do Gauchão Feminino

Futebol Feminino

A dupla grenal confirmou presença na semifinal do Gauchão Feminino ao vencerem seus compromissos neste final de semana. O Grêmio atropelou o time da Sapucaiense pelo placar de 11 a 0 em jogo realizado no CT Hélio Dourado. Já o Inter venceu o time do Oriente por 1 a 0. Nas semifinais o tricolor terá o Guarani de Lajeado como adversário. As oponentes do Inter na semifinal serão conhecidas neste meio de semana.

Grêmio 11×0 Sapucaiense

Com larga vantagem, já que venceu o jogo de ida por 14 a 0 fora de casa, o Grêmio entrou em campo com o mesmo objetivo que rege o time desde o início da competição: vencer, independente dos outros resultados. E foi com esse espírito que as jogadoras abriram o placar logo no início de jogo, com a meia Dani. Na sequência, a artilheira do campeonato Karina, com 32 gols anotados no Gauchão, marcou o primeiro dela na partida, fazendo 2 a 0. Ela ainda marcou outros 3 no primeiro tempo, com Tefa e Shasha fechando o placar da primeira etapa: 7 a 0.

No segundo tempo, a técnica Patrícia Gusmão realizou as modificações na equipe, colocando em campo Jéssica Alves, Bruna Flor, Gabi, Thiellen, Carlinha e Mitssa. A atacante Luana ampliou o marcador, fazendo o oitavo, seguido por Carlinha, Beta e Shasha, fechando o placar em Eldorado. Grêmio 11×0 Sapucaiense.

Veja o Memória Grenal com Yura, diretor do futebol feminino do Grêmio

Para a atacante Carlinha, que está retornando de lesão no joelho, voltar a marcar dá ainda mais motivação para seguir na competição. “Me sinto muito feliz de voltar a jogar depois de tanto tempo parada. Ainda mais voltar marcando gol, isso me motiva muito. Nos sentimos fortes para esse semifinal e bem preparados para alcançar nosso objetivo”, diz a atleta.

O próximo adversário do Tricolor é o Guarani, em Lajeado. A data e horário serão confirmados nos próximos dias.

Internacional 1×0 Oriente

Na noite de domingo (12/11), a meia Mylena garantiu a vitória ao marcar de cabeça, aos 34 minutos de jogo em um lance de puro oportunismo. Ela aproveitou a bobeira da defesa adversária e, com bola se encaminhando para as mãos da goleira, se antecipou, desviando para o gol. O placar magro, no entanto, não traduz o que foi o jogo. O domínio foi completo das atletas coloradas. Enquanto o Oriente deu apenas um chute a gol, sem perigo, já nos minutos finais da segunda etapa, as oportunidades para o Internacional se acumulavam, mas a bola teimava em não entrar.

No primeiro tempo, a centroavante Paloma Merlo enlouqueceu a defesa da equipe de Canoas. Aos 26 minutos, aproveitou a cobrança de escanteio e apareceu livre na pequena área. Concluiu de primeira, mas a bola acertou o travessão. Seis minutos depois, ela arrancou, deixando as zagueiras para trás. Tocou na saída da goleira, procurando o canto mas, caprichosamente, a bola passou raspando. Quando o placar já estava 1 a 0, no final do primeiro tempo, a atacante ainda foi derrubada na área, mas a arbitragem nada marcou.

“O futebol feminino tem muito para crescer”, acredita Geórgia Balardin

Na volta para o segundo tempo, era esperado que o Oriente tentasse buscar o jogo e reverter a desvantagem nas quartas-de-final. Nem pensar. As visitantes seguiam apenas se defendendo. E as coloradas tentando encontrar espaços para ampliar o marcador. Aí foi a vez de Rosana, que havia entrado no segundo tempo, se destacar. Primeiro, com um chute forte da entrada da área, logo no começo do segundo tempo. A goleira fez grande defesa. Depois, em um escanteio, Rosana cabeceou para baixo, mas a goleira novamente espalmou para fora.

Ainda houve tempo para mais uma inacreditável oportunidade perdida por Gabriela Brito. Depois do cruzamento rápido e rasante, a goleira se atrapalhou. A atacante, que havia entrado no segundo tempo, desviou de cabeça, quase grudada na trave e, mais uma vez, com capricho, a bola bateu no poste e na goleira antes de ir para escanteio.

Zagueira que já defendeu Inter, brilha nos EUA e na Seleção Brasileira

Para a treinadora Tatiele Silveira, a classificação foi o mais importante na noite de domingo.

“Nossa equipe está evoluindo gradativamente. E, o mais importante, estamos alcançando nossos objetivos”, valoriza.

Com informações das assessorias de Grêmio e Internacional

Deixe uma resposta