Inter vence o Brasil e se mantém em vantagem na Série B

Inter, Notícias

O Inter venceu o Brasil de Pelotas pelo placar de 1 a 0 e manteve-se 6 pontos na frente do América-MG, na liderança do Brasileirão. O próximo compromisso rubro só acontece na próxima semana, quando encara o Boa, em Minas Gerais.

Veja a tabela de classificação da Série B 2017

O colorado chegou a ter 80% de posse de bola no primeiro tempo, mas o gol só foi acontecer aos 51′ com D’Alessandro alçando a bola no primeiro poste e Damião vencendo a marcação e desviando para jogar entre a baliza e o arqueiro. Até então o Inter tinha controlado o jogo, mas tinha pressionado pouco. Exigindo mais de Pitol, goleiro do Brasil, apenas em um lance, aos 10′, quando Pottker finalizou duas vezes, uma delas em cima do arqueiro oponente.

Foto: Ricardo Duarte/ Inter

A primeira etapa foi toda truncada, pesada, com ambas as equipes evitando o jogo, principalmente o Brasil de Pelotas. A outra chegada perigosa do Inter aconteceu apenas aos 45′, quando D’Alessandro cobrou escanteio na cabeça de Cuesta que acertou o pé da baliza esquerda de Pitol. O ataque mais incisivo do Brasil de Pelotas na etapa inicial foi aos 36′, quando João Afonso finalizou na entrada da área para Danilo Fernandes catar sem grande dificuldade. O contra-ataque foi mais empolgante que o disparo contra a meta colorada.

Inscreva-se no nosso canal no YouTube

Após o intervalo o jogo seguiu quente e ferveu aos 6′ quando Sasha acabou acertando um chute no peito de Éder Sciola e acabou levando o cartão vermelho direto.  Bem que o Brasil se assanhou, mas foi com Damião que o Inter chegou com mais perigo. Foi ele que, aos 15′, dominou na esquerda, puxou para o meio e bateu forte, Pitol desviou e a bola bateu na trave.

As equipes acabaram promovendo alterações no início do segundo tempo. Enquanto Clemer sacou João Afonso para a entrada de Rafinha e Juninho no lugar de Misael. Guto colocou Camilo no posto de D’Alessandro. A pressão colorada seguiu pelo lado direito do ataque. Foi por ali que Pottker fez grande jogada de exigiu boa intervenção de Pitol, já Winck acertou o poste do arqueiro adversário.


Guto resolveu fazer nova modificação já na parte final do jogo, quando Damião sentiu a coxa e pediu para sair, entrando Nico López em seu lugar. Clemer também modificou, colocando Cassiano no lugar do Lincom. A última grande chegada do Inter aconteceu já aos 45′ quando Nico fez boa jogada pela esquerda e finalizou, mas a defesa evitou o tento.

Com o resultado o Inter se mantém na ponta da tabela com 57 pontos, contra 51 somados do América-MG. No próximo dia 17 o Inter viaja até Minas Gerais onde encontra o BOA. Já o Brasil encara o América, no Bento Freitas.

Deixe uma resposta