Inter perde para o Atlético-MG e está fora da Primeira Liga

Inter, Notícias

O Internacional tentou, mas acabou sendo derrotado pelo Atlético-MG pelo placar de 1 a 0, no Beira-Rio, e ficou fora das semifinais da Primeira Liga. O time mineiro encara o vencedor de Flamengo e Paraná na próxima fase da competição.

Veja a trajetória do Inter na Primeira Liga

A primeira oportunidade do jogo aconteceu apenas aos 18′ quando Iago cruzou pela esquerda e, após desvio da defesa, a bola sobra com Nico. O uruguaio jogou para o miolo da área com Carlos aparecia para completar de cabeça e mandar por cima do arco defendido por Giovanni.

Uma segunda chance de perigo só voltaria a acontecer aos 29′, quando Nico fez boa jogada pelo miolo e lançou Carlos, em profundidade, porém o atacante acabou desarmado e não conseguiu finalizar.

Foto: Ricardo Duarte/ Inter

O Atlético Mineiro chegou com perigo, pela primeira vez, aos 34′. Valdívia dividiu com Danilo Silva e a bola sobrou para Leonan que finaliza, mas o zagueiro colorado evitou o gol atleticano.

Mesmo criando menos oportunidades o time mineiro foi quem abriu o marcador aos 39′, com Clayton. Fred sofreu falta e a arbitragem mandou o jogo seguir, a bola sobrou para Clayton bater forte de fora da área, vencer Lomba e balançar o barbante.

O Inter ainda chegou a ter duas oportunidades de igualar o marcador ainda no primeiro tempo, quando Camilo cobrou falta com muito perigo contra a meta de Giovanni, a barreira abriu e o arqueiro precisou fazer grande defesa. A última foi já aos 45′, quando Nico bateu cruzado e viu Giovanni fazer boa defesa e evitar a igualdade do placar.

Foto: Ricardo Duarte/ Inter

No intervalo o técnico Guto Ferreira sacou Alex Santana e colocou Edenílson na equipe colorada. No retorno para a etapa final, já com 3′ de peleja, Edenilson lança Carlos, ele divide com Giovanni e cai, o apitador nada marca.

A segunda alteração colorada aconteceria com a saída de Carlos, vaiado, para a entrada de Sasha. O Atlético-MG sacou Valdívia para a entrada de Ralph.

Com 20′ o Atlético-MG teve a chance de matar o jogo, Robinho recebeu sozinho dentro da área e, ao invés de finalizar, ele preferiu passar para Fred que errou o chute e acabou desperdiçando a oportunidade.

Foto: Ricardo Duarte/ Inter

No minuto seguinte foi o Inter quem buscou o empate numa cabeçada perigosa de Sasha, porém Giovanni salvou a pátria mineira. Depois desta ataque Guto Ferreira resolveu dar mais uma chance para Roberson, colocando o camisa 19 no lugar do Joanderson.

O placar se consolidou não com um gol atleticano, mas pela ineficácia – ou flata de sorte – do Inter. Edenilson cobra falta pela esquerda, a bola sobra para Nico que finaliza, a pelota desvia em Roberson, mas Bremer salva o Atlético.

Aos 37′, Roberson tabela com o lesionado Camilo e bate forte, da entrada da área, porém a  se perde pela linha de fundo. A última grande chance aconteceu já com 42′, quando Giovanni defendeu uma sequência de três finalização contra a sua meta.

Foto: Ricardo Duarte/ Inter

Mesmo com a pressão nos minutos finais e o tempo adicional, o Inter não conseguiu sair do 0 e levar a decisão da vaga para as penalidades.

Deixe uma resposta