Futebol gaúcho perde Hélio Dourado, ex-presidente do Grêmio

Destaque, Grêmio, Notícias

Faleceu nesta terça-feira o ex-presidente e patrono do Grêmio o Dr. Hélio Dourado. Ele tinha 87 anos e foi vítima de um infarto. A informação foi confirmada pelo atual presidente gremista Romildo Bolzan Jr. para a Rádio Gaúcha.

Leia a nota de pesar divulgada pelo Grêmio

Grêmio lamenta profundamente o falecimento de um de seus maiores dirigentes, Helio Dourado

É com imenso pesar que o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense comunica o falecimento do ex-presidente e patrono, Hélio Dourado. Neste momento de dor, o Clube se solidariza com os seus familiares e amigos.

Reconhecido como um dos maiores dirigentes gremistas, Hélio Volkmer Dourado tem uma vida dedicada ao Grêmio. Nascido em Santa Cruz do Sul no ano de 1930, tornou-se sócio do Clube aos 11 anos de idade.

Chegou a atuar pelos aspirantes, mas decidiu seguir a carreira de médico. Porém, jamais abandonou o Tricolor. Aos 24 anos, comprou sua cadeira cativa no recém inaugurado Olímpico, estádio que ajudaria a concluir no início da década de 80. Cada vez mais atuante no dia a dia do Clube, foi alçado ao cargo de Conselheiro em 1967 começando, efetivamente, seu trabalho nos bastidores. Após passar por diferentes vice-presidências, foi eleito presidente pela primeira vez em dezembro de 1975.

Exerceu seis anos consecutivos de mandato, até o final de 1981. Neste mesmo ano, levou o Tricolor ao título de Campeão Brasileiro, ultrapassando as fronteiras do Estado. Na sequência, sempre participando das principais decisões, passou a trabalhar em diferentes setores da instituição: no final da década de 90, foi vice-presidente de Patrimônio, de 1998 a 2000. Na sequência, foi presidente da Comissão de Obras, até 2004. No mesmo ano, chegou a assumir a vice-presidência de futebol.

Sua trajetória dentro do Clube rendeu inúmeras, e merecidas, homenagens: em 1997, foi agraciado com o título de Grande Benemérito, um feito para poucos. Em 2011, ao lado dos campeões Roger e Émerson, deixou sua marca na Calçada da Fama do Estádio Olímpico. Dá seu nome ao Centro de Treinamento que ajudou a construir, em Eldorado do Sul.

A história e a personalidade de Hélio Dourado se confundem com a própria história do Grêmio. Foram anos de dedicação e de entrega, que colocaram o Clube no patamar mais alto. Uma história que jamais será esquecida.

Inter lamenta morte de Hélio Dourado

O Sport Club Internacional lamenta o falecimento do ex-presidente e patrono do Grêmio Hélio Dourado. O Clube se solidariza com a família e os amigos, desejando força à toda comunidade tricolor. Em homenagem ao ex-dirigente gremista haverá um minuto de silêncio antes do jogo contra o Goiás, na noite desta terça-feira (1º/08), e a bandeira do Clube ficará a meio mastro.

Deixe uma resposta